Prefeita Socorro Neri, de Rio Branco, implantou o primeiro Centro Público de Atendimento ao Autista do Acre

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta que 70 milhões de pessoas têm autismo em todo o mundo, sendo 2 milhões somente no Brasil. Apesar de não existirem dados oficiais no Acre, estima-se que entre pessoas diagnosticadas ou não, o número seja de aproximadamente dez mil.

Diante deste cenário, a prefeita Socorro Neri, da capital Rio Branco, buscou melhorias os autistas, já que precisam de acolhimento especial para melhor desenvolvimento e convivência em sociedade. Em 2019, foi inaugurado o primeiro Centro Público de Atendimento ao Autista do estado do Acre. 

Foto Divulgação/Prefeitura de Rio Branco

O espaço, anexo à Policlínica Barral y Barral, oferece atendimento multidisciplinar especializado para crianças de 2 a 12 anos diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista.

“Neste primeiro momento vamos atender 80 crianças com diversas terapias e, certamente daremos a elas novas possibilidades e um acompanhamento para que se desenvolvam, cresçam saudáveis e felizes. São famílias que serão selecionadas pelo recorte de renda e vão ter aqui, além dos serviços de saúde, uma integração com a Educação e a Assistência Social como deve ser”, contou a prefeita Socorro Neri.

O investimento foi de aproximadamente R$ 406 mil de convênio com o Ministério da Saúde, por meio da Caixa Econômica Federal, e outros cerca de R$ 27 mil provenientes de recursos próprios. 

A estrutura é considerada inédito na saúde pública não apenas de Rio Branco, mas de todo o Acre. O Centro funcionará com uma sala de integração sensorial com atendimento integrado com profissionais como terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo e fisioterapeuta. 

Foto Divulgação/Prefeitura de Rio Branco

Além do serviço de atendimento integrado à criança com autismo, também serão oferecidos atendimentos individuais com fisioterapeuta, fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional e uma sala de atendimento de psicologia/ludoterapia (psicoterapia adaptada para o tratamento infantil, através do qual a criança, brincando, projeta seu modo de ser). 

Melhorias na educação

Natural de Tarauacá, Maria do Socorro Neri Medeiros de Souza é uma pedagoga e professora que sempre foi muito preocupada com o desenvolvimento e educação do estado do Acre. Em sua gestão buscou desenvolver ações que garantisse acesso a direitos básicos da população, como o caso do Centro Público de Atendimento ao Autista.

Pedagoga formada pela Universidade Federal do Acre, possui tem mestrado e doutorado em Educação, realizados na UFRJ e UFMG. Docente da UFAC, foi vice-reitora e pró-reitora de graduação.

Foto Divulgação

Em 2016, disputou a prefeitura de Rio Branco ao lado de Marcus Alexandre como vice-prefeita. Foram eleitos em primeiro turno com 54% dos votos válidos e, em 2018, com a renúncia de Marcus para disputar o governo do Acre, Socorro assumiu a prefeitura da capital, tornando-se a primeira mulher a comandar o executivo rio-branquense.

Artigos Relacionados

Como o prefeito Vantoil Martins quer tornar Iguaba Grande (RJ) uma cidade forte no turismo

Repleta de atrativos e belezas naturais a cidade de Iguaba Grande...

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Gestão e Tecnologia

Mantenha contato

Siga nosso Instagram