Eleito aos 23 anos, prefeito João Gonçalves Júnior melhorou a qualidade da merenda escolar com insumos locais em Jaru (RO)

Infelizmente, ainda é realidade que muitas crianças no Brasil conseguem se alimentar corretamente apenas na escola. Uma boa parcela delas, aliás, só realiza refeições no ambiente escolar.

Por isso, garantir a qualidade da merenda oferecida aos pequenos é tão importante. A alimentação, além de ser um direito de todos, funciona como combustível para o desenvolvimento físico e intelectual.

Boa parte das escolas conta com um cardápio diversificado que leva em consideração as necessidades nutricionais das crianças e oferece alimentos saudáveis como frutas, verduras e vegetais.

Foto Divulgação

Algumas unidades escolares, porém, encontram dificuldades em otimizar os seus cardápios por conta da burocracia que envolve a compra e distribuição dos insumos para a produção da merenda.

Essa era a realidade das escolas de Jaru, em Rondônia, antes do prefeito João Gonçalves Silva Júnior implementar medidas que melhoraram significativamente a qualidade da merenda por meio do fomento da agricultura familiar no município.

Burocracia paralisante

A merenda das escolas em Jaru era toda adquirida pela secretaria de educação que também era responsável pelo recebimento e distribuição dos alimentos.

Com isso, as unidades escolares encontravam dificuldades em planejar cardápios, além de não ter controle do estoque e nem da distribuição dos insumos, o que chegou a resultar na perda de alimentos.

Neste esquema, os agricultores que ofereciam suas produções para o município também perdiam, pois toda essa burocracia foi responsável, muitas vezes, pelo atraso dos pagamentos.

A solução que todos precisavam

Para dar fim a este “abacaxi”, a prefeitura editou uma lei municipal que descentralizou os recursos utilizados para compra da merenda escolar.

Com isso, cada escola passou a ter liberdade para negociar a compra de insumos diretamente com o produtor rural.

A lei municipal que desburocratizou o processo de compra de merenda teve como efeito duas grandes transformações: a melhora na qualidade da alimentação das crianças e a valorização das famílias de agricultores do município.

As escolas, que passaram a negociar diretamente com os produtores a compra de produtos frescos e sem agrotóxicos, e de entrega imediata, garantem a qualidade das refeições que chegam até os pratos das crianças.

Foto Divulgação

Do outro lado, os produtores rurais de Jaru e da região foram beneficiados porque passaram a receber o pagamento pelos insumos assim que a mercadoria é entregue, evitando atrasos que até então eram comuns.

A compra dos alimentos sendo realizada quase em sua totalidade a partir de produtores locais teve ainda efeitos na economia do município, uma vez que reforçou a valorização dos negócios rurais jaruenses.

Quem é o prefeito João Gonçalves Júnior

João Gonçalves Silva Júnior nasceu em 1992. Contabilista, ele foi eleito prefeito de Jaru em 2016 quando tinha apenas 23 anos.

Silva Júnior teve a votação mais expressiva da história do município, com 78,08% dos votos validos, sendo ainda o segundo mais votado do Estado de Rondônia.

Foto Divulgação/AROM

Em 2018, ele foi eleito segundo tesoureiro da Confederação Nacional dos Municípios – CNM, o primeiro representante de Rondônia na diretoria da entidade.

Artigos Relacionados

Como o prefeito Vantoil Martins quer tornar Iguaba Grande (RJ) uma cidade forte no turismo

Repleta de atrativos e belezas naturais a cidade de Iguaba Grande...

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Gestão e Tecnologia

Mantenha contato

Siga nosso Instagram